outubro 10, 2012

Cantor George Freedman 'Estamos torcendo pela recuperação da saúde desse ídolo da Jovem Guarda'

ERRAMOS:

Pedimos desculpas aos leitores do blog e fãs do cantor George Freedman, algumas informações sobre o cantor estavam erradas neste post.

Graças a colaboração da Lucia Zanetti do blog
http://luciazanetti.wordpress.com/ que gentilmente nos alertou dos
erros fizemos as correções.

Fica aqui nosso agradecimento a Lucia e o texto que foi enviado por ela:



George jamais se casou com a cantora Waldirene, nem sequer foram namorados. A foto na capa da revista foi idéia do Chacrinha. George já estava casado com Zuleika, a mãe de seus filhos, muito antes disso. Fizeram 45 anos de casados em 12-12-2012. 

Na verdade a mãe de George Freedman também era alemã, e George veio para o Brasil ainda muito pequeno, e o título do LP lançado por ele em 1962 é "Multiplication". Obrigada por compartilhar meu texto sobre o AVC sofrido por ele, juntamente com o video, desta forma divulgando o canal George Freedman no Youtube. Também criei a fan page no Facebook, e deixo aqui o endereço para os fãs que quiserem encontrá-lo lá: 

https://www.facebook.com/pages/George-Freedman/144019349071170 Nesta segunda-feira, dia 14 de janeiro, às 21h, George estará dando uma entrevista pela Rádio Tom Maior de Pernambuco.



Estamos torcendo pela total  recuperação de saúde de George Freedman, um ídolo da juventude dos anos 60. Autor de grandes sucessos interpretados por ele e de versões gravadas por ídolos da Jovem Guarda.

George Freedman (1940 Berlim, Alemanha). Cantor. Compositor. Filho de pai alemão e mãe alemã, ainda pequeno transferiu-se para o Brasil.

Iniciou a carreira no final da década de 1950 cantando rocks, na sua maioria versões de hits estrangeiros.

Em 1959, George Freedman gravou na Califórnia seu primeiro disco interpretando de sua autoria o rock balada "Leninha" e de Steve Rowlands, em versão de Fred Jorge, o rock calipso "Hey, little baby".

Nessa época, George fez apresentações constantes na TV Tupi de São Paulo. Todavia, só veio a obter alguma projeção pessoal a partir da explosão do movimento da Jovem Guarda.


George Freedman sofreu um A.V.C. no dia 30 de junho de 2012, enquanto cantava no palco do Restaurante “Botica do Quintana”, em São Paulo, durante apresentação com o grupo Rebaca Neife.
Até hoje George ainda está se tratando e em recuperação, pois ficaram alguns problemas como a perda fácil do equilíbrio, cansaço e falta de ar, nada grave, mas ainda uma seqüela do A.V.C.

Sofre o AVC cantando

No vídeo, George pede o TOM ao conjunto que vai lhe acompanhar e diz: “me acompanhem em MI maior”!

Mas o grupo não sabia tocar em MI, eles só tocavam em RÉ. George pede então a guitarra, mas o instrumento era pequeno demais para o grande George Freedman!

Conclusão: durante a apresentação, ele entra em processo de A.V.C., mas não parou de cantar, para preservar sua imagem profissional perante os espectadores presentes ao jantar. Sua filha Viviane é quem canta a seu lado.

Em 1960, George Freedman obteve seu primeiro sucesso com "Olhos cor do céu", versão de "Pretty blue eyes".

Em 1961 gravou pela Continental os rocks "Advinhão" e "Inveja", de Baby Santiago.

Em 1962 lançou compacto duplo com "O jato", "Canção do casamento", "Good luck charm" e "Um beijinho só".

No mesmo ano George Freedman lançou "Multiplicating", seu primeiro LP.

George apresentou-se na TV Paulista no programa "Ritmos da juventude". Na mesma época apresentava-se com regularidade acompanhado do conjunto The Rebels na boate Lancaster na Rua Augusta em São Paulo.





Em 1966 gravou "Coisinha estúpida" e "Um grande amor".











Em 1968, George Freedman lançou "Quando me enamoro" e "Eu te amo".

17 comentários:

  1. maravilhoso, fantastico, lindo, nos faz recordar o unico tempo no mundo que valeu a pena ter vivido, pois quem nasceu antes ou depois dessa geração perdeu coisas lindas, coisas inesqueciveis, parabens mesmo, tanto que procurei algo pareciso com esta pagina e finalmente encontrei, parabens a todos que participaram destes conteudos, sou feliz por ter vivido esse tempo abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Agradecemos sua presença e ficamos honrados com seu comentário. Realmente não podemos ficar sem mostrar para quem não conheceu, ou não viveu essa época maravilhosa da Jovem Guarda, alguns registros que não esqueceremos jamais.

      Um grande abraço

      Excluir
  2. Bicho, este site é "uma brasa, mora", agrada a pãos e brotos de todos os tempos; continue a nos trazer coisas boas daquelas "jovens tardes de domingo". Um abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Óla Carfil, valeu bicho !
      Gratos por sua visita e comentário.

      Um grande abraço

      Excluir
  3. Na verdade a mãe de George Freedman também era alemã, e George veio para o Brasil ainda muito pequeno, e o título do LP lançado por ele em 1962 é "Multiplication".

    Obrigada por compartilhar meu texto sobre o AVC sofrido por ele, juntamente com o video, desta forma divulgando o canal George Freedman no Youtube.

    Também criei a fan page no Facebook, e deixo aqui o endereço para os fãs que quiserem encontrá-lo lá:

    https://www.facebook.com/pages/George-Freedman/144019349071170

    Nesta segunda-feira, dia 14 de janeiro, às 21h, George estará dando uma entrevista pela Rádio Tom Maior de Pernambuco.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

      Excluir
  4. Em tempo: George jamais se casou com a cantora Waldirene, nem sequer foram namorados.
    A foto na capa da revista foi idéia do Chacrinha. George já estava casado com Zuleika, a mãe de seus filhos, muito antes disso. Fizeram 45 anos de casados em 12-12-2012.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    2. Óla Lucia, obrigado pelo esclarecimento, as vezes algumas fontes nos dão informações erradas.
      Sei que você é amiga do George, diga a ele que me desculpe pelo erro no post. Agradeço suas informações e vou corrigir o post.
      Parabéns pelo seu blog, que diga-se de passagem é um dos melhores sobre a Jovem Guarda.

      Excluir
    3. Olá Nossa Jovem Guarda, que bom que pude ajudar com as informações.
      Sim, somos amigos, e eu acabo de falar com ele, que pediu que eu o agradecesse pela postagem sobre ele aqui em seu blog. Ele está muito bem, e já recuperado do AVC, graças a Deus!

      Ah! Obrigada pelo elogio ao meu Blog, o We Love the Beatles Forever, onde incluo assuntos sobre a Jovem Guarda também.

      Um abraço,

      Lúcia

      Excluir
    4. Lúcia, quem deve agradecer sou eu.
      Fico muito feliz em saber que ele está se recuperando. e diga que estou mandando um abraço. Quanto ao seu blog apenas falei o que realmente acho, ele é mesmo um dos melhores sobre jovem guarda, Beatles, cantores, etc.
      Se você tiver um e-mail que possa me fornecer ficaria mais facil fazer contato com você.

      meus E-mails:

      ademirpalacios@nossajovemguarda.com.br

      ademirfama@hotmail.com

      Excluir
    5. Olá Ademir, já te mandei um E.mail com o meu contato.

      Um abraço,

      Lúcia

      Excluir
  5. Querido "xará" ! Você se lembra de quando estudávamos no Liceu Eduardo Prado, Eletronica Industrial, nos idos de 1964/65? Nossos colegas de classe nos elegeram "representantes" e, vira e mexe, encontrávamo-nos na sala do diretor Jaques por, digamos, probleminhas na classe! Mas o que marcou mesmo foram os "puxões de orelha" do Jaques aplicados em nós, tipo : "...pô! vcs dois são os representantes de sua classe e têem a obrigação de obterem MELHORES NOTAS! Do jeito que vão, certamente levarão BOMBA! kkkkkk! que vexamão, hein? Só sei que, depois disto, voce me confidenciou que "...xará, vou falar com o Roberto Carlos para me apresentar na Jovem Guarda ainda neste domingo. Se der bom resultado, caio fora, rapidinho! " E, caiu mesmo pois fizestes o maior sucesso com "Coisinha Estúpida" . Quando te vi no programa, demorei para acreditar e ao mesmo tempo fiquei orgulhoso de saber que tão querido e companheiro Amigo dera-me a oportunidade de sua Amizade. Um super beijo e abraços, com votos sinceros de pronto restabelecimento. Com orgulho,
    Jorge Takashi Mariya
    São Paulo

    ResponderExcluir
  6. Olá. Gostaria de saber quando foram lançadas as músicas: CORREIO SENTIMENTAL e EU MENTI PRA VOCÊ.
    Grande George!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Respondeu a sua pergunta, um dos autores, que é Clovis Savalla:

      "Clovis Savalla: Querida amiga Lucinha Zanetti, o ano de gravação foi 1969 (a data exata, não me lembro), gravadora RCA - ´Correio Sentimental ´ & ´Menti pra você´ têm seus autores assim configurados: George Freedman & Clovis Savalla. Performance by George Freedman. Abraços!"

      Espero ter ajudado. :)

      Excluir
  7. George Freedman tem uma grande história na Música Jovem Brasileira. Quando o movimento Jovem Guarda "estourou" a partir do programa da TV Record, George Freedman já era um veterano, pois já havia gravado dsde os anos 50. De 1959: um 78 rpm selo California; 1959/1960: três 78 rpm's selo Polydor; 1961: dois 78 rpm's selo Continental (um dos quais, também lançado em compacto simples); 1962/1963: dois 78 rpm's pela RGE (c/ 2 faixas não lançadas em vinil); 1962: um LP pela RGE; 1967: um LP pela RCA Victor... Daí por diante, mais compactos simples e duplos com algumas faixas não constantes de LP's. Um Grande Artista que satisfez profundamente os seus fãs de sua geração. Desejamos todo o Bem do Mundo a esse excepcional valor da Música Jovem Brasileira de todos os Tempos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Óla Paulo,

      Obrigado por sua visita e pelo ótimo comentário com informações.

      Concordamos com você, um talento imenso o George Freedman.

      Abraço

      Excluir

Obrigado por nos dar o prazer da sua visita.
Seu comentario será publicado depois de moderado.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Blogger Templates